as chapas esquecidas

Deviam ser milhares as chapas-de-pista que pavimentavam toda a planura do Ramo Grande transformando searas de trigo num campo de aviação. Chegado que foi o asfalto, as chapas reconhecidas pelas três fiadas de furos circulares paralelas entre si deixaram de ter utilidade para a função que foram criadas. Rapidamente, os habitantes destas bandas da ilha encontraram-lhe usos alternativos. Cercas, portões, cancelas ou cofragens foram só algumas das aplicações para as pranchas metálicas vindas da Base. Criatividade, para variar, foi coisa que não faltou.

A imagem que ilustra este texto foi captada na rua da Escola (Aldeia Nova) das Lajes e é a prova de que imaginação e criatividade foi coisa que não faltou aos nossos antepassados. Infelizmente, os exemplos começam a rarear e, com eles, a memória a desaparecer. Se isto é património? Sim, é. Se é cultura? Sim, também é. Se é preservada? Não, não é. Se deveria ser? Claro que sim. Fazem parte da nossa identidade. Sem elas, a história do Ramo Grande e da Terceira teria seria sido completamente diferente.

#CHAPASDEPISTA #LAJES #LAJESDATERCEIRA #VILADASLAJES #ALDEIANOVA #RAMOGRANDE #PRAIADAVITORIA #BASEDASLAJES #ILHATERCEIRA

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s