Enquanto aguardo

Enquanto aguardo pela chegada de um cliente, é porque já se me acabaram as vidas no Lemmings, abro um dos livros que comprei na feira do livro usado no aeroporto. Marcolino Candeias, maio de 1971, numa leitura de Anton Tchekhov. Eu havia nascido dois meses antes.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s