recordar a igreja das Lajes antes do sismo de 1980

Recordo-me em criança entrar na igreja das Lajes pela mão da minha mãe ou da minha avó, olhar para o teto, e ficar assustado com aquela figura medonha, vermelha, que era o Diabo a ser morto pela espada do Arcanjo Miguel. Já lá vão muitos anos, mas a memória ficou.

A 1 de janeiro de 1980, na sequência do violento terramoto, parte do estuque pintado que constituía o teto da nave central ruiu e, à época, optou-se por não o reconstruir, deixando à vista a estrutura de madeira que tinha (e tem) a função de suporte da cobertura.

Passado este tempo, gostaria de revisitar aquela imagem. Não porque queira ver o Mafarrico ou dele ter saudades, mas porque nos tetos das nossas igrejas, com os anos, muita arte se foi perdendo e, com ela, parte da nossa cultura e identidade.

Que eu conheça, não existem registos dessa pintura. Não quer dizer que não existam, obviamente. Por isso, faço um apelo a todos quantos estão a ler este texto:

Conhecem alguém que tenha alguma fotografia do teto da igreja das Lajes antes do sismo de 1980? Se sim, gostaria de ver essas imagens. Ficar-vos-ia eternamente grato.

Hoje é o dia internacional dos monumentos e sítios. Um dia que foi criado para nos lembrar que temos de preservar e conservar a memória… mesmo que seja só através de fotografia.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s